quarta-feira, 31 de março de 2010

Cayo Vizcaíno - Miami

terça-feira, 30 de março de 2010

Cristiano Ronaldo usa um protector bucal que multiplica o rendimento!!

Cristiano Ronaldo tem uma arma secreta que melhora o seu rendimento. Não se trata de umas botas novas, mas sim protector bucal, tal como informa o diário MARCA na sua edição de hoje, este aparelho ajuda-o a colocar correctamente os maxilares e gera um aumento de potência nos músculos.

O português não é pioneiro, já anteriormente Tiger Woods também o usou.

O protector bucal de CR9 está no mercado há cerca de um ano e o seu preço ronda os 100 euros. É já bastante usado em países como o Japão, onde foi inventado, nos Estados Unidos, Grã Bretanha ou Italia estão familiarizados com este artigo. O AC Milan também já o utiliza desde há alguns meses.

domingo, 28 de março de 2010

GP Austrália

sexta-feira, 26 de março de 2010

Red Bull - Abu Dhabi



Dia Mundial do Teatro - 27 Março

NO TNDM II

Espectáculos com Entrada Livre*
A VISITA
| 11H
ROBINSON CRUSOE | 16H
REI ÉDIPO | 21H30
NUM DIA IGUAL AOS OUTROS | 21H45

* CONDIÇÕES DE ACESSO: O levantamento dos bilhetes é realizado no próprio dia, restrito a 2 por pessoa, e sujeito à lotação das salas/actividades. Os ingressos para "A Visita" estão disponíveis na bilheteira a partir das 10h e para os espectáculos das salas Garrett e Estúdio a partir das 13h.


TEATRO NA RUA
[13h – 19h30]

Quatro escolas de teatro e artes performativas constroem cenas diversas que se apresentam em locais emblemáticos de Lisboa. Dos lugares onde menos esperamos, surgem manifestações de outras realidades, histórias e personagens. Cerca de 80 alunos mostram os seus trabalhos, com apresentações de 30 em 30 minutos. No final, todos os grupos se reúnem na Praça do Rossio.

LOCAIS (zona envolvente do TNDMII) Largo de São Domingos, Rua das Portas de S. Antão, Praça do Martim Moniz, Praça da Figueira, Rua Augusta, Rua Garrett, Praça Luís de Camões, Largo do Carmo, Largo da Misericórdia, Jardim S. Pedro de Alcântara, Estações de Comboios do Cais do Sodré e Rossio, Estações de Metro do Rossio e Baixa/Chiado, Praça D. Pedro IV (Rossio).

coordenação Joana Craveiro
com Escola Superior de Teatro e Cinema, Escola Profissional de Teatro de Cascais, Act e Chapitô

ANTÍGONA NA RUA
pela Escola Superior de Teatro e Cinema

Fragmentos de cenas escolhidas da “Antígona” (442 a.C.) de Sófocles, reinventadas na via pública. Intervenções teatrais que contracenam com a cidade em dia de festa.
No rescaldo de uma guerra fratricida, a cidade de Tebas entrou num novo ciclo de poder: Rei morto Rei posto, Creonte repõe a ordem social. Mas, com uma só acção, Antígona desafia a lei e a tragédia instala-se.

A Escola Superior de Teatro e Cinema (ESTC) herdou a experiência de ensino de Teatro do Conservatório Nacional fundado por Almeida Garrett, em 1836, e de quase 40 anos de ensino de Cinema, introduzido no mesmo estabelecimento a partir de 1971. A ESTC foi integrada no Instituto Politécnico de Lisboa em 1985. O objectivo principal da Escola é a formação de profissionais altamente qualificados, técnica e artisticamente, nos domínios do Teatro e do Cinema. | www.estc.ipl.pt

LISISTRATA
pela Escola Profissional de Teatro de Cascais

LUGARES COM PERNAS PARA ANDAR
pela ACT

ARES NO AR
pelo Chapitô

quinta-feira, 25 de março de 2010

Viciados no Facebook - Já há clínicas para tratar a obsessão

Os sintomas da privação são semelhantes aos de uma ressaca de nicotina, álcool ou comprimidos.

No momento em que começam a abrir clínicas para tratar viciados em Facebook, percebemos que algo de muito importante está a acontecer na maior rede social da internet. Com mais de 400 milhões de utilizadores em todo o mundo, a rede criada por Mark Zuckerberg atingiu um estatuto de obsessão social.

Esta nova geração de viciados do século XXI, como alguns psiquiatras estão a descobrir, apresenta sintomas físicos e psicológicos semelhantes à adição a substâncias como a nicotina, o álcool ou comprimidos. Parece piada, mas não é. Chama-se Facebook Addiction Disorder (FAD) e é uma perturbação psicológica derivada da Internet Addiction Disorder, diagnosticada pelo psiquiatra norte-americano Ivan Goldberg em 1995.

Ainda não é considerada uma patologia, mas já começou a ser identificada. Há mais de 80 grupos no Facebook para pessoas viciadas em Facebook, o que parece tão acertado como montar um grupo de Alcoólicos Anónimos numa destilaria. Também foi lançado um livro, da editora Ice Cream Melts, chamado "Facebook Addiction", baseado na vida de vários viciados na rede social.

Como se trata Tal como outras perturbações, a FAD já pode ser tratada em clínicas e serviços especializados, como os que abriram em Itália, Estados Unidos e Reino Unido nos últimos meses. Mas será necessária abstinência? O médico Richard Graham, que trabalha no hospital londrino Capio Nightingale, diz à BBC que não. Tem um programa intensivo de 28 dias, que começa com psicoterapia, passa à fase de desligar a tecnologia e termina com exercício físico e eventos familiares.

A ideia é recuperar o controlo sobre o uso da tecnologia, já que, segundo afirma, "não se pode evitá-la". E como a ideia é pôr as pessoas dentro de uma sala a conversar, o serviço de tratamento não dispõe de site na internet.

No caso italiano, a clínica Agostino Gemelli Polyclinic foi inaugurada há cerca de quatro meses em Roma e o Molinette Hospital, em Turim, passou a ter assistência em Janeiro de 2010.

De acordo com o coordenador desta unidade hospitalar, Frederik Tonioni, a adição à internet ou a redes na internet causa "sintomas físicos similares aos que são manifestados por adictos em crises de ressaca: ansiedade, depressão e medo de perder o controlo sobre o que acontece na internet". O médico, citado na página do apresentador de rádio britânico Mark Nolan, adianta que há cinco tipos de adição à rede: cibersexo, ciber-relacional, compulsão de rede, descargas e dependência de computadores.

O primeiro é exactamente o que o nome descreve, uma adição ao sexo virtual ou à pornografia na internet. O segundo descreve uma dependência das redes sociais. O terceiro está ligado a impulsos, como compras online ou jogos casuais. O quarto indica uma obsessão pela busca compulsiva de informação e o quinto está muito ligado aos videojogos.

Os sintomas da perturbação FAD são semelhantes à adição à internet, tal como descrita há quinze anos por Ivan Goldberg - perda de ligações pessoais, mudanças repentinas de humor, percepção alterada do tempo, fetiches tecnológicos e perda de sono, muitas vezes por passar a noite a navegar na net. Os doentes apresentam um certo desprezo pelas relações na vida real e entram constantemente no Facebook para ver as actualizações, no computador do trabalho, de casa ou no telemóvel.

Ainda segundo o responsável do hospital de Turim, durante os primeiros meses de operação, a maioria dos doentes tratados divide-se em dois tipos. Por um lado, indivíduos entre os 25 e os 40 anos, cientes de que desenvolveram uma relação patológica com a internet. Por outro, doentes com dependências específicas, como cibersexo, jogos e compras online. Há ainda uma grande prevalência em jovens do sexo masculino, quase sempre adolescentes.

Don Martin, gestor clínico da seguradora Optima Health, garante que esta perturbação associada ao Facebook é real. "Se é mais importante ver o que os amigos estão a fazer no Facebook que saber onde anda o parceiro, o filho ou outras pessoas que estão envolvidas na sua vida e com quem fale pessoalmente então saiba que arranjou um problema", diz o especialista, citado pelo canal de televisão WVEC, associado à ABC. "É uma compulsão, uma obsessão", continua Martin, explicando que estes doentes experimentam um sentimento de perda quando não estão na página, a ver as actualizações ou a montar celeiros na Farmville.

Para testar o grau de adição ao Facebook, alguns grupos de apoio sugerem que se faça o teste. Mas há uma forma mais rápida de o testar: quantos dias consegue estar sem entrar na sua página? Se não aguentar sequer 24 horas, o mais provável é que a experiência na rede social esteja a ir longe demais.

In: Jornal I

quarta-feira, 24 de março de 2010

Portugal é o país da Europa com mais doentes mentais

Os números apanharam de "surpresa" o próprio coordenador nacional para a saúde mental, Caldas de Almeida.

Portugal
é o país da Europa com a maior prevalência de doenças mentais na população e aproxima-se perigosamente do campeão mundial Estados Unidos. No último ano, um em cada cinco portugueses sofreu de uma doença psiquiátrica (23%) e quase metade (43%) já teve uma destas perturbações durante a vida. Para um grande mal, poucos remédios: 67% dos doentes graves estão sozinhos com o seu problema e nunca tiveram qualquer tratamento.

As conclusões são do primeiro estudo nacional sobre saúde mental, liderado por Caldas de Almeida, da Faculdade de Ciências Médicas de Lisboa. O psiquiatra e também coordenador nacional para esta área explica a falta de tratamento por dois factores: "O estigma social que leva as pessoas a terem vergonha de procurar um médico e ao mesmo tempo a ausência de serviços especializados próximos, que cria dificuldades de acesso." Esta ausência de acompanhamento terapêutico contrasta com o elevado consumo de anti-depressivos e ansiolíticos. Como se explica a contradição? "Provavelmente temos pessoas que não precisam a tomar estes medicamentos e os que realmente precisam a não tomar nada", adianta.

Do total de portugueses com perturbações mentais, 6% apresentam quadros graves - nesta categoria os especialistas colocam a doença bipolar, as que levam a perda de capacidades e as que resultaram em tentativas de suicídio. Os médicos de família, nos centros de saúde, são o recurso mais comum. Nas doenças graves, acompanham quase metade dos doentes (47%), enquanto que os serviços especializados de saúde mental ficam pelos 39%. Isto apesar de Caldas de Almeida sublinhar que para estes pacientes isso não chega, "seguramente vão precisar de cuidados especializados". Também a grande maioria das patologias de gravidade moderada estão sem qualquer tratamento (65%) e as ligeiras que estão por acompanhar chegam aos 82%.

As perturbações mais comuns são as da ansiedade, com 16,5%, que em 3,2% dos casos assume proporções graves. "As pessoas costumam pensar que a depressão é que é grave, mas esquecem-se da ansiedade. Muitas vezes tem consequências também de grande gravidade", refere o coordenador do estudo. Neste conjunto, o mais comum são as fobias a situações específicas, com 8,6%, seguidas da perturbação obsessivo-compulsiva (4,4%). As depressões atingem 8% do total e, dentro destas, os bipolares representam 1%. Para uma segunda fase ficam as doenças psicóticas, como as esquizofrenias. Por terem uma dimensão menor, os casos não foram apanhados neste levantamento. Nas perturbações do controlo dos impulsos, 1,8% dos doentes têm explosões interminentes. O comportamento irado de alguns portugueses ao volante é o exemplo para a manifestação desta perturbação. Caldas de Almeida sublinha ainda que a hiperactividade/défice de atenção, normalmente associada às crianças, tem também expressão nos adultos: representa 0,4% das perturbações do controlo dos impulsos.

O estudo português integra um projecto liderado pela Universidade de Harvard e pela Organização Mundial de Saúde, que reúne 30 países. Estes são ainda os dados preliminares e, de acordo com os investigadores, muita da informação recolhida tem ainda de ser analisada. Um dos grandes objectivos é traçar o diagnóstico para depois adaptar os serviços de saúde às necessidades destes doentes. Os dados já recolhidos permitem perceber que a diferença entre Portugal e os restantes estados europeus é abissal. Aos 23% de prevalência nacional, Espanha contrapõe 9,2%, Itália 8,2% e a Bélgica 12%. Próximo do diagnóstico português apenas está a Ucrânia, com 20,5%. "É um padrão atípico", admite Caldas de Almeida. No caso das doenças graves, Portugal supera os 6%, enquanto que os outros países do Sul se ficam por 1%.

Para explicar a complexidade deste levantamento (feito em parceria com o centro de sondagens da Universidade Católica), Miguel Xavier, outro dos responsáveis pelo estudo, divulgou alguns números: 3849 entrevistados com mais de 18 anos, 150 entrevistadores, duas horas médias para cada entrevista e algumas a chegarem às quatro horas, seis anos desde o arranque do projecto. Pedro Magalhães, da Católica, refere que "foi o maior e mais complexo estudo" daquele centro.

PS: É com cada novidade...

in: http://www.ionline.pt/conteudo/52456-portugal-e-o-pais-da-europa-com-mais-doentes-mentais

USS J.F.K. em Malta

domingo, 21 de março de 2010

Oculista Cristal d'Ouro


Alguém viu o Prof. Queiroz no Algarve?!



Afinal vai ver todos os jogos do FóCulPorto...





sexta-feira, 19 de março de 2010

Festival Bons Sons 2010 - Cem Soldos

A terceira edição do Festival Bons Sons a decorrer nos dias 20, 21 e 22 de Agosto 2010 na aldeia de Cem Soldos, Tomar, já está em andamento. Visitem o site:

http://www.bonssons.com/

Programação

dia 20:
diabo na cruz
melech mechaya

dia 21:
dazkarieh
terrakota

dia 22:
b fachada
danças ocultas
norberto lobo


Sorteio da Liga Europa e Champions


quarta-feira, 17 de março de 2010

II PASSEIO BTT "MEIA PEDALADA" - 18 de Abril de 2010

Depois do sucesso do passeio do ano anterior eis o II grande passeio BTT "Meia Pedalada" organizado pelo Centro de Cultura e Recreio da Charneca da Peralva, no dia 18 de Abril de 2010. A data limite de inscrições é a 15 de Abril.


DATA/HORÁRIOS:
18 de Abril de 2010
Abertura do Secretariado: 07h30
Início do Passeio: 09h00
Almoço: 12h30-15h00


TIPO DE EVENTO:
Passeio de BTT c/ duas distâncias: 40 Km & 25 Km
Andamento livre cronometrado
Dificuldade Técnica/Física: Média Alta/Média
Uso obrigatório de capacete


PREÇO DA "1/2 PEDALADA":
12 Pedaladas com almoço (Inclui seguro, banho e lembrança)
10 Pedaladas sem almoço (Inclui seguro, banho e lembrança)
10 Pedaladas só almoço (acompanhantes)

INSCRIÇÕES:

Limite de 250 participantes
Data limite: 15 de Abril de 2010
Para o endereço de e-mail: meiapedalada.ccr@gmail.com

ou para os seguintes telefones:
Rui Rodrigues: 968 898 199
António Marques: 915 050 699
Rodrigo Ferreira: 964 898 199
Rogério Ferreira: 933 339 502

Dados necessários: Nome completo, data de nascimento, Nº. de B.I., Localidade, Equipe ou Individual, distância para que se inscreve, com ou sem almoço, nº de acompanhantes.

Pagamento para NIB: 0045 5434 40235271242 82

Enviar comprovativo para meiapedalada.ccr@gmail.com

Mais informações em: http://meiapedalada.blogspot.com/

terça-feira, 16 de março de 2010

Estreia hoje no AXN "The Pacific"


Estreia hoje às 23h20 a mini-série The Pacific, apenas 2 dias após a sua estreia nos Estados Unidos.

Esta mini-série de 10 episódios conta com a produção executiva de Tom Hanks e Steven Spielberg, responsáveis anteriormente por êxitos como “O Resgate do Soldado Ryan” ou ainda pela mini-série “Irmãos de Armas” (onde participou também Gary Goetzman na produção executiva). Um selo de garantia numa produção cuidada da HBO, feita em alta definição e que mais uma vez o AXN traz em primeira-mão aos seus espectadores. The Pacific recua até à Segunda Guerra Mundial e conta-nos a história de 3 soldados norte-americanos envolvidos no conflito logo após o ataque a Pearl Harbor. Uma estreia a não perder!

8 de Dezembro de 1941. Apenas 24 horas após o ataque japonês à base naval de Pearl Harbor, o Congresso norte-americano formaliza a declaração de guerra ao Japão, entrando assim de forma oficial na Segunda Grande Guerra. Quase da noite para o dia foram recrutados milhares de jovens nos Estados Unidos para engrossar as fileiras militares. Muitos desses jovens alistaram-se nos Marines, que triplicaram o seu número de activos em apenas 6 meses depois do ataque a Pearl Harbor.

The Pacific conta-nos a história de 3 Marines da 1ª Divisão, chamada “The Old Breed” pela sua posição como a mais antiga e maior divisão no activo dos Marines. Com o apoio dos restantes Marines, Força Aérea e Forças Armadas, a 1ª Divisão dos Marines esteve muitas vezes na linha da frente de muitas das maiores e mais duras campanhas da Guerra do Pacífico.

Filmada na Austrália, The Pacific traz-nos as odisseias vividas por Robert Leckie (James Badge Dale – The Departed: Entre Inimigos), John Basilone (Jon Seda – Kevin Hill) e Eugene Sledge (Joe Mazzello – Sem Rasto) durante a sua participação na Segunda Grande Guerra na zona do Pacífico. Baseada em histórias reais, conta-nos as experiências vividas por estes 3 homens e pelos seus companheiros desde o primeiro combate violento com os japoneses nas selvas de Guadalcanal, passando ainda pelas florestas tropicais do Cabo Gloucester, pelas barreiras de coral de Peleliu, as areias sangrentas de Iwo Jima e os campos fatais de Okinawa, até ao triunfo difícil e o regresso a casa.

Esta mini-série de 10 episódios é baseada nos livros “With the Old Breed” de Eugene Sledge e “Helmet for My Pillow” de Robert Leckie, assim como em várias entrevistas levadas a cabo por diversos realizadores e por Hugh Ambrose, filho de Stephen E. Ambrose, autor do livro que daria origem à mini-série “Irmãos de Armas”, exibida recentemente no AXN.

The Pacific narra-nos as batalhas físicas, mentais e emocionais de 3 soldados, ao mesmo tempo que reflecte e explora o verdadeiro preço humano a pagar pelo envolvimento numa guerra.

Morreu o homem mais pequeno do mundo


Pingping morreu aos 21 annos.

Era o homem pequeno do mundo (74,6 cm)

Nesta foto com Sultan Kösen, o homem mais alto do mundo (2,46 mts)

quarta-feira, 10 de março de 2010

Viva o Sol!



Gabriella Grecco para o site The Girl

Gabriella tem 19 anos, é paulista e quer ser apresentadora de TV.

55Kg – 1,70m

terça-feira, 9 de março de 2010

Futsal - Jogador morre no Paraná

O jogador de futsal Robson Rocha Costa, de 23 anos, morreu no passado domingo após sofrer um grave ferimento enquanto disputava uma partida festiva de futsal em Guarapuava, Paraná.
O atleta foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital São Vicente de Paulo, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 7h da manhã.

Robson terá feito o ferimento ao fazer um "carrinho", um pedaço de madeira soltou-se e terá entrado pela sua coxa, atingido o intestino do atleta, causando hemorragia interna.

O jogador, que chegou ao hospital por volta das 20h de sábado, passou por uma cirurgia, mas não resistiu ao ferimento.

(Clique na imagem para aumentar)


Festival Internacional de Tunas da Cidade de Tomar

segunda-feira, 8 de março de 2010

And the Oscar goes to...

Kathryn Bigelow fez história no domingo na 82ª edição dos Óscares ao ser a primeira mulher a vencer na realização e ao derrubar "Avatar", de James Cameron, na categoria de melhor filme.
"Estado de guerra", drama de guerra passado no Iraque, conquistou seis Óscares de um total de nove nomeações, entre os quais os mais cobiçados: melhor filme e realização.
Com um filme de baixo custo, sobre uma equipa militar que desmantela bombas no Iraque, Kathryn Bigelow derrubou o colosso tecnológico e financeiro, "Avatar", do seu ex-marido James Cameron.
"Avatar" estava nomeado também para nove Óscares, mas recebeu apenas três nas categorias de direcção artística, fotografia e efeitos visuais.
"Estado de guerra", estreado em 2009 em Portugal, foi distinguido pela Academia de Hollywood ainda no argumento original, do jornalista Mark Boal, na montagem e em duas categorias de som.
É uma atribuição histórica sobretudo para Kahryn Bigelow que, aos 58 anos, conquista um prémio na sua estreia nos Óscares e é a primeira mulher a receber a mais desejada das estatuetas.
Kathryn Bigelow, a mesma que rodou em 1990 "Ruptura Explosiva", dedicou o prémio aos militares que passaram por situações de conflito, em particular a guerra no Iraque.
Além de "Avatar", outro dos derrotados da noite foi "Sacanas sem lei", de Quentin Tarantino, que viu apenas ser distinguido o ator austríaco Christoph Waltz na representação secundária.
Sandra Bullock, actriz associada sobretudo a comédias românticas foi eleita, logo na estreia nas nomeações, a melhor atriz principal pelo filme "Um sonho possível".

Jeff Bridges, ao fim de cinco nomeações, conseguiu o Óscar de melhor actor por "Crazy Heart".
O drama "Precious" de Lee Daniels, conquistou dois Óscares: melhor argumento adaptado e melhor actriz secundária, pelo papel de Monique.
Contra todas as expectativas, "El secreto de sus ojos", do cineasta argentino Juan Jose Campanella, recebeu o prémio de melhor filme estrangeiro.
Sem surpresas, "Up - Altamente", de Pete Docter, foi eleito o melhor filme de animação e "The cove - A baía da vergonha", sobre a captura ilegal de golfinhos no Japão, foi considerado o melhor documentário.
A cerimónia, no Kodak Theatre, foi conduzida pelos actores Steve Martin e Alec Baldwin e apesar de aparecido pouco, foram incisivos no humor, maioritariamente direccionado para os filmes e protagonistas nomeados.

A 82ª edição foi bastante mais sóbria que a edição de 2009 com menos momentos musicais e com várias soluções de apresentação dos vencedores.
O actor Ben Stiller, disfarçado de habitante do planeta Navi, de "Avatar", apresentou o Óscar de melhor caracterização, o estilista Tom Ford apresentou o galardão de guarda-roupa.
Um dos raros momentos musicais foi protagonizado por James Taylor para recordar algumas das figuras do cinema desaparecidas em 2009 e 2010, como Eric Rohmer, John Hughes, Jennifer Jones, Roy Disney e Karl Malden.
Roger Corman, Lauren Bacall e Gordon Willis foram homenageados com prémios de consagração e houve ainda tempo para prestar tributo ao cinema de terror.

In: http://www.ionline.pt

Dia Internacional da Mulher

O Dia Internacional da Mulher, celebrado em a 8 de Março tem origem nas manifestações femininas por melhores condições de trabalho e direito de voto, no início do século XX, na Europa e nos Estados Unidos.

A data foi adoptada pelas Nações Unidas, em 1975, para lembrar tanto as conquistas sociais, políticas e económicas das mulheres como as discriminações e as violências a que muitas mulheres ainda estão sujeitas em todo o mundo, como atesta o vídeo abaixo.
video

domingo, 7 de março de 2010

Mundial de Formula 1 - 2010



A 14 de março em Sakhir, começa o próximo mundial.



A torre do circuito internacional do Bahrain.



O capacete de Vettel será provavelmente o mais curioso do campeonato de 2010.